Evento do IRB em Curitiba dissemina normas de auditoria no setor público

Capacitação

O analista de controle do TCE-PR Nelson Granato Ne ...

Ao longo da quinta e da sexta-feira desta semana (dias 22 e 23 de agosto), cerca de 130 servidores de órgãos de controle externo de todo o país lotaram o auditório do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), em Curitiba. Eles participaram do 5º Fórum Nacional de Auditoria, evento promovido pelo Instituto Rui Barbosa (IRB) que contou com palestrantes de cinco diferentes estados brasileiros - Bahia, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro e Rio Grande no Norte.

O tema principal do evento foi O Monitoramento e o Controle de Qualidade das Fiscalizações dos Tribunais de Contas. A iniciativa, realizada em parceria com a Escola de Gestão Pública (EGP) do TCE-PR, teve o apoio institucional da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas (Atricon) e da Associação Brasileira dos Tribunais de Contas dos Municípios (Abracom).

 

Palestras

A palestra de abertura do evento, realizada na manhã de quinta-feira, foi feita pelo vice-presidente de Relações Institucionais do IRB, conselheiro Sebastião Helvecio (TCE-MG). Ele falou sobre boas práticas internacionais de controle de qualidade e monitoramento. Em seguida, o vice-presidente de Auditoria do IRB, conselheiro Inaldo da Paixão (TCE-BA), discorreu sobre a implantação das normas internacional de auditoria no Brasil.

Na tarde do mesmo dia, a Norma Brasileira de Auditoria do Setor Público (NBasp) nº 40, que trata do controle de qualidade da fiscalização, foi o tema da palestra do auditor de controle externo do TCE-RN Cleyton Marcelo Medeiros Barbosa. Já o auditor de controle externo do TCE-RJ Sérgio Lino, que ocupou o púlpito na sequência, falou sobre as NBasp e a fase de monitoramento das fiscalizações. Por fim, nesta sexta, foram realizados apresentações e debates sobre estudos de caso que envolvem a temática do monitoramento.

 

Fórum

Desde sua primeira edição, os fóruns nacionais de auditoria são uma forma por meio da qual o IRB busca capacitar os servidores dos tribunais de contas na utilização das NBasp em seus trabalhos de fiscalização. Além de estarem alinhadas às normas internacionais sobre o assunto, emitidas pela Organização Internacional das Entidades Fiscalizadoras Superiores (Intosai), as NBasp são essenciais para manter a credibilidade, a qualidade e o profissionalismo da auditoria do setor público.

O IRB é uma associação civil de estudos e pesquisas responsável por realizar capacitações, seminários, encontros e debates para aprimorar as atividades exercidas pelos tribunais de contas brasileiros. Atualmente presidida pelo conselheiro do TCE-PR Ivan Bonilha, a entidade também investiga a organização, os métodos e os procedimentos de controles externo e interno para promover o desenvolvimento e o aperfeiçoamento dos serviços dos órgãos de controle externo do país.

 

Autor: Diretoria de Comunicação Social Fonte: TCE/PR

 
   
 

Enviar

 
   
 
   

Enviar